terça-feira, 4 de maio de 2010

O cigarro e o ateísmo

Sabia que existe a Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos (Atea)? Pois existe, mas eu não estou aqui para convencer ninguém da existência ou inexistência de Deus.

É que a instituição divulgou nota de protesto por uma fala do candidato tucano, José Serra, à presidência da República. Em um evento evangélico em Santa Catarina, Serra, o homem saudável, mistura descrença no Altíssimo ao ato de fumar um cigarrinho: "a pessoa que fuma sabe que o cigarro vai fazer mal, mas continua assim mesmo. Depois, adoece e mesmo assim continua fumando. Assim é uma pessoa sem Deus. Sabe que Ele está ali, mas não o procura".

Segundo a associação dos ateus, a frase do ex-governador "é insultuosa porque iguala uma convicção filosófica a uma doença".

A íntegra da nota de protesto da associação está aqui.

Eu vou pitar um. Até a próxima.

5 comentários:

Dárcio Vieira disse...

Se ele falasse contra judeus, muçulmanos ou presbíteros o escândalo seria muito maior.

Imagino que ateus devam sofrer um preconceito gigantesco. Nessa hora, os religiosos se reunem para combater o "mal" do ateísmo.

O Serra tem um discurso para cada tipo de público. Isso fica evidente a cada dia.

Edu Maretti disse...

O que assusta em José Serra é que o discurso dele vai sempre na direção da limpeza e da saúde elevadas como uma categoria moral. É violento e excludente. Não sei (e não sei se alguém sabe) onde ele pode chegar se ganhar a eleição.

Felipe disse...

Este ser tem me despertado cada vez mais náuseas...

David disse...

Edu, olá... pq vc não cria uma conta no twitter?
Sds,
David.

Edu Maretti disse...

David, tenho pensado nisso. Mas quando penso que será mais uma conta, mais uma senha, mais algo para administrar... sinceramente, ainda não vi uma vantagem que justifique tantos mais!!!

Quem sabe, vamo ver.

abraço