quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Aniversário de São Paulo: Abre a porta e a janela e vem ver o sol nascer!


No dia do aniversário de São Paulo, dedico a vocês "Preta Pretinha", de Novos Baianos (quem lembra?). Se eu fosse editar um CD duplo com as 20 maiores músicas da MPB, esta estaria nele.

Pra ouvir alto:



4 comentários:

Mayra disse...

Diante dos últimos acontecimentos, neste aniversário, tô mais pra Não existe amor em SP, do Criolo... Conhece? O vídeo é muito legal:
http://www.youtube.com/watch?v=f35HluEYpDs

Edu Maretti disse...

Reconheço, praticamente desconheço Criolo! Vou ver o vídeo...

Mas... ôrra meu!, como diria a aposentada Rita Lee - hehe. Você não captou a ironia do post?

Por falar em ironia, preciso escrever sobre Meia-noite em Paris do Woody Allen. Muito bom, mas tenho ressalvas...

Mayra disse...

Criolo fez uma paródia para Cálice e teve resposta do próprio Chico num show recente - tudo no youtube. Emocionante. É um baita artista esse cara. Do Grajaú/SP.

Ai, tô tão baixo astral com esse período das sombras paulistas que não captei ambiguidades... Sorry!

alexandre disse...

E não é só sombra paulista, parece que cairam uns prédios no Rio de Janeiro! E outra, parece que ver o sol nascer ou se por tá meio difícil aqui em Sampa. É só chuva!!E frio!!! Mas indepedente do que se passa de ruim com a cidade e com o Brasil, falando de Novos Baianos, essa canção é uma das grandes obras de arte, que em meio a uma esfera de movimentos artisticos no Brasil, O grupo formado nos anos 60-70, basicamente por Moraes Moreira, Pepeu Gomes - guitarra, Dadi-Baixo e Baby Consuelo, assumem uma linguagem única, de forma a traduzir o Brasil e retratá-lo em música e poesia.