sábado, 8 de dezembro de 2012

Lula na Alemanha: 'Democracia é uma sociedade em movimento à procura de novas conquistas'


Enquanto no Brasil o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é vítima de um ódio de classe sem fim e da perversa perseguição dos cães de guarda do preconceito, que se valem das vozes mofadas do udenismo redivivo para atacar a achincalhar o homem que mudou o país, na Alemanha ele é visto e tratado como estadista.

Lula participou ontem, 7 de dezembro, do Congresso Internacional dos Metalúrgicos da Alemanha, o IG-Metal, e de um evento na Fundação Friedrich Ebert, ligada ao Partido Social Democrata da Alemanha. Foi intensamente aplaudido. Depois, concedeu entrevista excclusiva à TVT. Assista:



4 comentários:

Gabriel Megracko disse...

Véio do caraio, esse! E a Dilma é uma bruxa da pesada! Daquela resposta sobre o Guido Mantega, apesar de ela falando ser ótimo, o que mais gostei foi da hora em que ela termina e vai embora!
No mais, gosto bem mais dessa política capital-socialista do que do "comunismo" chinês e de seus filhotes de tigre. Todos sabem que não defendo o capitalismo, mas defendo a mudança gradual, sem destruição e tristeza, mudança de raízes fundas, porque as revoluções são vulneráveis e só devem acontecer em casos de extrema necessidade, mas esse não é o caso do Brasil. O industrialismo é uma bosta, mas com uma população doutrinada pelo Senor Abravanel não dá nem pra começar. É preciso inserir as pessoas na sociedade média e só depois começar o desmanche, sem o que não haverá recurso que chegue, porque não dá pro mundo todo ter um padrão de vida europeu senão deslocando o foco industrialista, e não aumentando ele. Talvez, caminhando neste sentido, possamos ter uma chance de uma iluminação social e de uma aceleração na simplificação da vida material, começando pelos malditos artigos de luxo e daí peneirando, peneirando... Saúde, terra, trabalho, teto, diversão e arte!

Gabriel Megracko disse...

Só uma nota: a China não está numa revolução social, mas de Estado, e lá pratica-se a escravidão remunerada em prol do crescimento econômico do Estado para que se transforme em império, não para que se desenvolva socialmente.

Edu Maretti disse...

Muito bons os comentários. "Saúde, terra, trabalho, teto, diversão e arte!"

Vou pensar seriamente em assinar embaixo - rs.

José Arrabal disse...

Lula além de gênio político é deveras o mais importante lider político e estadista em ação da humanidade. E não sou apenas eu quem diz isto. Excelente essa sua postagem. Oportuna, tb. Há dias a grande mídia PIG, sempre mentindo e plantando calúnias, insinuou que Lula viajara ao exterior por temer a barulheira da dita "operação porto seguro" da PF. Assim escondeu o verdadeiro e louvável motivo da viagem de Lula à Alemanha, conforme vc evidencia em seu blog. Valeu! Muito bom!
Lula forever!
Fraterno abraço,
J. A.