sábado, 12 de outubro de 2013

Notícias de Montevidéu


 Montevideo de las "calles con luz de patio" (Jorge Luis Borges)

O pessoal deve ter estranhado que ando meio sumido. É que estou (estamos) em Montevidéu. Uma cidade simpática, que sob certos aspectos, mal comparando, parece como uma mistura de Buenos Aires com Santos, isto por causa do Rio da Prata, majestoso, imenso, cujo espírito, se me permitem assim dizer, está em tudo por acá. Mas é uma comparaçao a priori, empírica e impressionista, que carece de revisao.




O rio da Prata, da terra, parece enorme como um mar. Você custa a se convencer de que é mesmo um rio.



É uma cidade pequena perto de Sao Paulo. Tem 1,9 milhao de habitantes. O Uruguai inteiro tem 3,5 milhoes, ou seja, é 1/3 da cidade de Sao Paulo (sem contar a Grande SP).

Diz-se, e o Wikipédia também afirma isso, que é uma das 30 ou 40 cidades mais seguras do mundo.

Ao contrário dos argentinos, os uruguaios de Montevidéu, os montevidianos, conversam com você numa boa se você fala portunhol. Alguns, aliás, falam muito bem o portgugês e o vocabuário aqui incorporou muitas palavras do português, que eles falam e entendem. Claro, isso nao é por acaso. Montevidéu pertenceu ao Brasil de D. Pedro.




Enfim, volveré.

PS: Nao consigo colocar o til aqui. Por isso fica Sao Paulo etc.



4 comentários:

Olavo Soares disse...

Grande, grande cidade. A cidade sul-americana (extra-Brasil) que mais gostei. Não deixe de comer morcilla doce.

Edu Maretti disse...

intentaré!, Olavo.

Curioso, no momento em que leio teu comentário Carmem está ali conversando com os rapazes da portaria sobre futebol...

- somos santistas

- Ah, Sántos!

- Si, tuvimos Diego, Robinho... e después Neymar!... Ouço o rapaz ainda falar depois de um tempo de papo:

- Corinthias (pronúncia dele) é o más odiado, por todos los times

hehe, bom papo!

Glauco disse...

Grande Montevidéu! Edu, não deixem de dar um pulo no Centenário, vale ver tanto o estádio (histórico, mas em uma situação meio triste em termos de estrutura...) quanto o Museu, esse sim com algumas peças bem interessantes.

Abraços

Edu Maretti disse...

Fomos hoje ao Centenário, Glauco. Confesso que fiquei atè emocionado de estar lá dentro, naquele "monumento del fútbol mundial", como eles dizem. Aliás, o lugar todo, aquele parque, que lugar lindo!

O museu, hoje domingo, estava fechado. Voamos de volta mañana. Portanto, o museu nao veremos.

abraços

PS: Olavo, no diálogo acima descrito (real), faltou uma coisa, na conversa da Carmem com os rapazes da portaria (que, esqueci de dizer, sao torcedores do Peñarol). Logo no início do papo faltou umas aspas:

- somos santistas - disse Carmem

- Ah, Sántos! Malo recuerdo - disse o mais velho dos dois.

(rs)

PS2: eu como muito pouco doce. Acho que morcilla nao vai dar nao -- hehe. Fico devendo essa.